terça-feira, 16 de junho de 2009

Que tipo você prefere?


Qual o líder ideal para cada tipo de pessoa? Qual o líder ideal para a sua personalidade? Alguns profissionais são extremamente racionais e pragmáticos. Eles precisam de um líder objetivo, que dê respostas pontuais. Outros são analíticos, vivem fazendo perguntas, gostam de detalhes. Existem ainda aqueles que gostam de oba-oba, agito, e, por isso, precisam de reconhecimento.
Mas o que todo mundo quer é um líder que inspire, realmente bom no que faz, cujo jeito de ser, por si só, já seja motivador. Estamos falando daquele publicitário premiado, daquele jornalista admirado, do economista autor de diversos livros, do executivo que já salvou empresas...
Fora isso, existem tipos de liderança que cabem a cada perfil de profissional. Há quem precise de direcionamento a todo o momento, há quem necessite de proximidade, amizade, há quem goste de autonomia, há quem apenas precise de um chefe que faça elogios e reconheça o bom trabalho, no sentido de motivar.

Tipos de líder
• Diretivo: dá a direção, dizendo o que fazer. Quando alguém tem dúvidas, ele responde rapidamente, sem se preocupar em desenvolver a visão profissional;
• Treinador: desenvolve as pessoas para o futuro. Quando um de seus subordinados faz perguntas, ele não dá a resposta pronta, mas o ajuda a encontrar o caminho a ser seguido;
• Mobilizador: mobiliza pessoas em direção à visão, é motivador;
• Paternalista: no dia-a-dia parece um "pai" para o funcionário, falando exatamente o que é para fazer e quais são as prioridades. É um estilo de liderança muito criticado por especialistas, por implicar tolerância ao erro;
• Especialista: entende muito de um assunto específico. Por exemplo, um engenheiro que domina a parte técnica dos produtos e serviços comercializados e dos processos da empresa;
• Afiliativo: cria harmonia para curar rixas de times e motivar em momentos de estresse. Ele procura uma relação de proximidade com a equipe.

O que você quer?
Um dos líderes mais admirados mundo afora é Jack Welch, cuja capacidade de trabalhar com franqueza, dando bons feedbacks para seus funcionários, o transformou em um ícone.
Além disso, nos dias de hoje, cada vez mais é necessário ter uma liderança situacional, ou seja, um líder "camaleão", que se adapte às diversas situações que se apresentam. Ele se adapta também ao perfil de cada um da equipe, conseguindo extrair o melhor de seus profissionais.
Outro tipo de chefe muito útil no contexto atual é o líder aprendiz, que aprende com seus subordinados. Todos os profissionais têm modelos que os inspiram. A questão é: qual dos modelos é o mais indicado para você?

O meu, com certeza, é uma mistura de treinador e especialista!

Bjôooooo

Fonte: InfoMoney

Um comentário:

Daniela Cecílio disse...

Amiga,

Faz tempo que nao comento no seu blog, desculpa estive tao ocupada ultimamente que confesso: nao tenho lido seu blog diariamente como de costume.

De qualquer forma so queria apenas registras que es brilhante e minha alma gemea...onde quer que estejas estaremos sempre em perfeita sintonia

Mil beijos,

Te amo

D.