segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Aprenda a dizer "NÃO" - parte I


A partir de hoje colocarei algumas dicas para nos acostumarmos a dizer "não" de vez em quando... Muitas pessoas não conseguem, por medo de magoar terceiros, mas será que não estão se magoando com isso? Fazendo além do que poderiam apenas para agradar aos outros?
Vamos lá... A primeira parte é como dizer "não" para amigos e familiares quando:

a) Uma amiga ou prima pede para que você fique cuidando dos filhos dela no sábado à noite.

Segundo a consultora de etiqueta e marketing pessoal Ligia Marques, autora do livro Sem-Noção (Editora Matrix), que explica como se livrar desse tipo de gente em 100 situações, o ideal é ser franca: "Diga que não gosta de assumir esse tipo de responsabilidade", ensina. "Falar que já tinha um compromisso marcado também funciona", acrescenta.

b) Alguém com quem você não tem a menor intimidade pede para usar algo pessoal, como o batom ou a escova de cabelos.

"Uma boa saída é dizer que você tem um problema de saúde que pode ser transmitido por esses objetos", sugere a consultora de etiqueta e comportamento Claudia Matarazzo, autora do livro Superdicas de Etiqueta (Editora Saraiva). Já Ligia Marques sugere uma resposta mais direta: "Desculpe-me, mas não empresto esse tipo de coisa nem para a minha irmã."

c)  Um colega de trabalho que vive dando em cima de você te convida para sair, mas você não sente nenhuma identificação, ou pior, não vai com a cara.

Segundo especialistas, dizer reservadamente ao colega que não costuma sair com gente do trabalho é a melhor maneira de escapar dessa situação sem criar um mal-estar. Mas se ele insistir, o jeito é dar uma resposta mais enfática. "E não se culpe, pois, nesse caso, o mal educado é ele", afirma a consultora Célia Leão.

d) Alguém que sempre pede as coisas em nome da amizade, mas, na verdade, nem é tão amigo assim.

"Responda que não será possível, ao menos no momento, atender a esse pedido. Quem sabe numa próxima vez...", sugere Ligia Marques. "Se for uma solicitação ligada ao seu trabalho, diga que para isso você costuma cobrar e que vai sugerir um profissional que resolverá a questão de uma maneira muito mais eficaz e vai deixar a pessoa muito mais à vontade", dá a dica Claudia Matarazzo.

e) Aquela amiga sem noção que pede para levar mais pessoas na sua festa de casamento ou no aniversário que você avisou que seria um petit comité.

"Diga que o convite não é elástico", responde Célia Leão. "Explique que está tudo planejado para um número certo de pessoas e que não há como incluir mais ninguém", complementa Ligia Marques. "Gente desse tipo precisa de um limite, por bem ou por mal."

f) Um amigo pede dinheiro emprestado.

Para Claudia Matarazzo, a melhor resposta é: "Justo este mês que eu estou tão dura!". Ligia Marques sugere outra alternativa: "Estou com muitas contas para pagar e aguardando o pagamento de outro empréstimo, por isso não posso te ajudar". Na opinião de Célia Leão, nesse caso o ideal é dizer claramente não, para não colocar a amizade em risco. "Amigos, amigos, negócios à parte".
E você, também tem dificuldade para dizer "não"? Em quais situações?
Bjôoooooo


Fonte: Revista Marie Claire - por Thais Szegô



Nenhum comentário: